Tag Archives: Editoriais e Fotografia

Ah… Paris!

31 jan

Guardei mais um mini mini mini editorial produzido antes da viagem porque mais uma vez tem mais a ver agora, né?!

Como daqui a pouco vou realizar a última parte deste sonho, Paris <3,  vamos a sessão de fotos Fr.

.[ Mademoiselle – Berry ].

Mademoiselle j’ai des secrets
Des choses que je sais, que je tais
Un vieux bubble-gum
Qui colle aux souliers comme un homme

Mademoiselle j’ai des regrets
Des trucs pas très chics que j’ai fait
Une odeur de rhum
Qui colle à la peau comme un homme

Je crains d’en savoir un peu trop
L’amour aura ma peau
Je crains d’en savoir un peu trop
L’amour aura ma peau

Mademoiselle j’ai des frissons
Je tremble pour un oui, pour un non
Un Smith et Wesson
Qui colle à la tête comme un homme

Mademoiselle j’ai mes raisons
Une foule de questions, un prénom
Le filtre des Winston
Qui colle aux lèvres comme un homme

 

Fr.

_ZK17996

_ZK17995

_ZK17994

_ZK18004

Produção: Tarlis Belém e Taísa Belém

Styling, Make e Cabelo: Tarlis Belém

Modelo: Tarlis Belém

Cenografia: Taísa Belém

Fotografia: Zak Moreira

 

O que acharam?!
 
 
* Sigam o Note de Mode no Instagram e curtam a Fan Page no Facebook para atualizações mais constantes! ; )
 
 

Fotografia de Moda

1 nov

Seguindo as profissões na área de moda, já falamos do produtor de moda e stylist, mostramos também os bastidores da organização de um desfile, o Outubro Fashion – Sianinha, e editorial feito especialmente para o Note de Mode “Woods”, no qual foi explicado um poucos o que fazem os profissionais envolvidos no processo.

Making off Editorial de Moda - Brega Night

Making off Editorial de Moda – Brega Night

Por definição fotografia é desenhar com luz e contraste. “A fotografia transcende a barreira da linguagem, aumenta imensuravelmente nossa compreensão do mundo e de seus habitantes e incorpora às nossas vidas cotidianas uma sensibilidade mais aguçada em relação a beleza”, defende Michael Busselle em seu livro Tudo sobre Fotografia.

A fotografia de moda é um ramo especializado das revistas e empresas de artes gráficas, explica Sue Jenkyn Jones (Fashion Design – manual do estilista). As primeiras fotografias de moda eram focadas no vestuário, nos produtos, a estética ficava em segundo plano, o objetivo era dar destaque a peça que seria consumida.

Hoje, a fotografia de moda não se limita ao produto. Cuidado e senso estético se fazem presente, além da postura corporal e existencial, o trabalho com formas, cores, contrastes, explorando as experiências do consumidor, brincando com o lúdico. Há ainda o cuidado com o cenário que é tão importante quanto o produto, completando sua proposta, despertando o desejo do consumidor de fazer parte daquele cenário, daquele conceito.

A fotografia de moda trabalha lado a lado com a produção de moda que passou a valorizar o estilo de vida, o conceito da marca, da revista ou da tendência, cresceu e evoluiu juntamente ao consumidor.

O fotógrafo de moda pode trabalhar com a equipe definida pelo editor ou produtor de moda ou ainda, ter sua própria equipe, muitas vezes formada por maquiador, produtor e principalmente assistentes.

Mas se você pensa que a fotografia de moda é uma área limitada, saiba que não é bem assim! Existem:

neon-spfw-primavera-verao-2010-

O fotógrafo de passarela que tem seu foco na cobertura de desfiles e precisa conseguir bons lugares para fotografar (o que é bem difícil!), além de estar muito bem preparado e atento para conseguir a melhor foto.

O fotografo de modelos e/ou atores que faz a fotografia dos books para as agências, há o que fotografa para agência de notícias e os criadores de bancos de imagens.

Há o fotógrafo de catálogos e editoriais que trabalham por tarefa, de acordo com a demanda de alguma marca ou revista, eles vendem o conceito, a atitude. Os fotógrafos de beleza que focam no make e cabelo.

Há também os fotógrafos de retratos e os focados em publicidade que buscam uma fotografia mais limpa e direta. E os fotojornalistas, aquele que cobre os backstages, as fotos de rua e agora os fotógrafos de streetstyle que ganham cada vez mais espaço!

Para ser um fotografo de moda é necessário além de uma boa câmera, olhar criativo, habilidade com o equipamento, estar preparado para sessões em estúdio e externas, saber dirigir as modelos, coordenar suas poses, interagir com elas despertando o feeling exato para aquela sessão. Além disso, deve dominar as técnicas de fotografia e conhecer o universo da moda.

E aí, quer pegar a câmera para se arriscar no mundo da moda?!

Woods – Um Editorial de Moda

21 out

Como vocês gostaram da abordagem das áreas de atuação do profissional de moda, quando falamos sobre o Produtor de Moda e suas habilidades e sobre o evento Outubro Fashion. Hoje, vou mostrar um pouquinho dos bastidores de um editorial de moda exemplificando com um trabalho realizado no mês passado para o blog, quentinho, saindo do forno para vocês! Espero que gostem ; )

O Editorial de Moda “vende” um conceito, uma determinada tendência, coleção, marca, etc. Composto de imagens, o editorial é fruto de estudo e muito trabalho em equipe! São imagens que mexem com nosso imaginário, elaboradas de maneira artística, não apenas comercial, trazendo o encantamento e a fantasia da moda. Porém, para quem trabalha no backstage de um editorial não há nenhum glamour! Geralmente, participam desse processo o produtor de moda, o fotógrafo, o produtor de beleza – cabeleireiro e maquiador, o stylist e o assistente.

Quem é cada um:

Making off Editorial de Moda - Brega Night

Making off Editorial de Moda – Brega Night

Os produtores vão em busca das locações, autorizações, contato com as lojas que cederão as roupas e acessórios, além de selecionar a equipe e trazer o conceito a ser abordado, o objetivo da produção, o que se quer passar, para, então, montar-se um briefing que guiará os profissionais em suas áreas.

Muitas vezes o produtor e o styling são a mesma pessoa. Cabe ao styling montar o visual das modelos, aquelas combinações inusitadas e muito interessantes – vem daí o “Truque de Styling” que dizemos quando há algo de diferente e lindo no look de alguém. Já o assistente é o “pau para toda a obra”, está pronto para resolver os pepinos de última hora e auxilia o produtor e o stylist, algumas vezes sendo ele o responsável pelo cenário, lanche das modelos, etc.

O fotógrafo vai transformar esse conceito em imagens por meio de suas lentes, pensando no jogo de luzes, cores, ângulos, muitas vezes auxilia o produtor na escolha da locação e guia as poses das modelos para o melhor ângulo. Geralmente é o próprio fotógrafo que edita suas imagens, retirando ruídos e deixando o que de fato interessa – esse é aquele momento crucial do cuidado com o photoshop! : p

O produtor de beleza cuidará da beleza (oi?! alguma dúvida?!), podendo ser a mesma pessoa responsável tanto pelo cabelo quanto pela maquiagem ou pode haver mais de um profissional. E a/o modelo – dispensa apresentações, não é?! Lembrando que o casting deve ser adequado a proposta da sessão de fotos.

Woods – é o nosso Primeiro Editorial de Moda para o Note de Mode e a equipe foi composta por:

Produção: Tarlis Belém e Taísa Belém

Styling, Make e Cabelo: Tarlis Belém

Modelo: Tarlis Belém

Cenografia: Taísa Belém

Fotografia: Zak Moreira

Confiram o resultado:

Edi 3

Edi 7

Edi 2

Edi 9

Edi 1

Edi 8

Edi 5

Edi 4

Edi 6

Gostaram?! Foi feito com muito carinho para vocês e no próximo a equipe irá crescer!

Produção e Styling

25 set

A Produção de Moda e  o Styling estão entre os setores da moda que mais gosto de trabalhar e que mais me encantam! Tanto que o estudo do meu TCC resultou em um Editorial de Moda – “BREGA NAITE: estética, comportamento e consumo – a inspiração para um Editorial de Moda”.

Making off Editorial de Moda - Brega Night

Making off Editorial de Moda – Brega Night

Para Sue Jenkyn Jones, em Fashion Design, o produtor de moda “não é um um estilista, mas um intérprete da moda que produz o visual para uma sessão de fotos – seja interpretando o que o editor quer ou por conta própria” (2005).

Responsável por captar a essência necessária para determinada sessão de fotos, lookbook, editorial, filme publicitário, desfile ou evento, o produtor de moda dá continuidade ao trabalho do designer de moda ou estilista.

20130921-142207.jpg

Catálogo para representação da marca mineira AM420NIA em Recife/PE – mais sobre ele em outra postagem

A consultora de moda, Manu Carvalho, diferencia o produtor de moda do styling assim:  “Produtor fica na rua, visita lojas, carrrega sacolas, faz devoluções” enquanto “o stylist é quem busca as referências, cria uma imagem e opina no resultado final da produção, ‘dá o tom’ no trabalho”, veja mais em Chic.

Estar pronta para o que vier ; )

Estar pronta para o que vier ; )

Eficiência, experiência, acervo de conhecimento e imagens (cinema,fotografia, viagens…) são fundamentais para essa área, além de organização, planejamento e capacidade de improvisar, noções básicas de foto, cabelo, maquiagem e muitos truques de styling ; )

6

oficina-de-styling-3

Montar briefing em equipe é sempre mais prazeroso e criativo!

O site Chic listou os pré-requisitos, confira:

1. Você tem mais facilidade em executar os trabalhos se é extrovertida.
2. É preciso ser comunicativa, articulada, objetiva e clara.
3. Persuasão é fundamental, principalmente na hora de conseguir as “peças mais desejadas e disputadas”.
4. Responsabilidade, organização e comprometimento são essenciais, como em todas as outras profissões.
5. Exercite a sua criatividade. Lembre-se que se conseguir boas peças e solucionar problemas, o stylist fará um bom trabalho e confiará mais em você.
6. É necessário ter timing: pense nas datas desde o ínicio até o fim, antes de iniciar ou se comprometer com um trabalho.
7. Gostar de moda é fundamental!

E acrescento, estudar!!!

crepando-sapatos

Aprendendo a crepar sapatos com Camila Ferza

Querem se arriscar?!